@valeriabursztein

Drauzio Varella, 79+: “Médico do Brasil” lança livro de memórias

Redação e edição

Analu Oliveira – 79+

www.longevidade.com.br

Dr. Drauzio,  novo livro com reflexões sobre vida e medicina

 

Quem não conhece o Dr. Drauzio?

Médico cancerologista, 79 anos completados dia 03 de maio, é sempre reconhecido como “médico do Brasil”. Foi voz presente em toda mídia principalmente nos últimos dois anos que castigaram o mundo com a Covid-19. Defensor da ciência, combateu árduamente os negacionistas e levantou a bandeira da vacinação junto a tantos outros colegas de profissão.

 

Novo trabalho literário de Drauzio lançado dia 20 de maio

 

Agora ele lançou um novo trabalho que chega hoje (20 de maio) às livrarias. O título é: “O exercício da incerteza” (Companhia das Letras). A publicação   contem memórias e reflexões sobre a vida e a profissão de médico. “Escrevi sobre a humildade que a medicina impõe, ante as incertezas com que os médicos se deparam no dia a dia”, destaca Drauzio.

Os relatos vão desde a época de uma epidemia de tuberculose nos presídios ao pioneirismo na administração da  BCG oral, (vacina da tuberculose) para tratar um caso de melanoma maligno. Na literatura internacional a BCG era apenas injetável. Além disso Drauzio Varella também foi um dos primeiros a estudar no Brasil a AIDS, principalmente o sarcoma de Kaposi .

 

Carandiru, livro com história que chegou às telonas com sucesso

 

Drauzio desenvolveu incrível trabalho voluntário nos presídios, além de uma bem-sucedida campanha de combate ao uso de drogas injetáveis no Carandiru. Dessa força-tarefa resultou o livro Carandiru que depois chegou aos cinemas com grande sucesso, em 2003, com direção de Héctor Babenco.

O médico – que pratica corrida 3 vezes por semana –  se destaca pela grande facilidade em usar os canais de comunicação de massa para propagar informações corretas sobre saúde e bem estar. Sempre com muito estudo e pesquisa, empatia, verdade e acima de tudo com a mesma habilidade com que tem atravessado os percalços da vida nesses 50 anos de carreira médica.

 

Toda honra e toda glória ao Dr. Drauzio !

 

 

Sobre Drauzio Varella

Antônio Drauzio Varella nasceu em São Paulo, dia 03 de maio de 1943. Formado pela Universidade de São Paulo (USP), onde foi aprovado em 2° lugar, foi também um dos fundadores da Universidade Paulista e da Rede Objetivo, onde lecionou física e química durante muitos anos.

É casado com a atriz Regina Braga, padrasto do ator Gabriel Braga Nunes desde os 8 anos de idade e pai de duas filhas: Mariana e Letícia, frutos de outro relacionamento.

 

Drauzio e a mulher Regina Braga, mais de 40 anos de casamento

Durante 20 anos, dirigiu também o serviço de imunologia do Hospital do Câncer (São Paulo) e, de 1990 a 1992, o serviço de câncer do Hospital do Ipiranga. Foi professor em várias faculdades do Brasil e em instituições em outros países, como o Memorial Hospital de Nova Iorque, a Cleveland Clinic (também nos Estados Unidos), o Instituto Karolinska de Estocolmo, a Universidade de Hiroshima e o National Cancer Institute, em Tóquio.

Com apoio da Universidade Paulista e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), responde no Rio Negro sobre um projeto de bioprospecção de plantas brasileiras, em busca da obtenção de extratos para testes experimentais no combate ao câncer e a bactérias resistentes a antibióticos.

É escritor reconhecido internacionalmente e já publicou vários livros .  Como comunicador, assina uma coluna no jornal Folha de S.Paulo,  é palestrante, continua com atendimento em prisões e segue na produção de conteúdo em seu site, redes sociais e um canal no Youtube. Na Rede Globo, apresenta diversos quadros na área de saúde no programa Fantástico, sobre o corpo humano, tabagismoprimeiros socorrosgravidezobesidade e transplante de órgãos.

 

Drauzio em Santarém em ação de saúde aos ribeirinhos

 

Drauzio acompanhou recentemente uma  expedição com médicos voluntários que atendem comunidades ribeirinhas no Pará.  A bordo de um barco hospital — o barco Abaré, que em tupi-guarani significa “amigo” —, a equipe chegou à comunidade de Maripá, que fica na margem esquerda do Rio Tapajós, onde moram 302 pessoas. De Santarém, cidade mais próxima, foram quatro horas de trajeto.

Um grupo de médicos da ONG Zoé visita os moradores de comunidades ribeirinhas periodicamente. São professores universitários que trabalham no Hospital Sírio Libanês e no Hospital das Clínicas, em São Paulo. O atendimento é feito em parceria com a Prefeitura de Santarém e a Universidade Federal do Oeste do Pará.

 

Fontes:

Wikipedia

https://pt.wikipedia.org/wiki/Drauzio_Varella

O Globo

https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/livro-de-memorias-vai-colocar-em-evidencia-experiencia-e-o-pioneirismo-de-drauzio-varella.html

https://oglobo.globo.com/saude/noticia/2022/05/a-criacao-do-sus-foi-a-maior-revolucao-da-medicina-brasileira-diz-drauzio-varella.ghtml

G1 – Globo – Fantástico

https://g1.globo.com/fantastico/noticia/2022/04/24/drauzio-varella-acompanha-expedicao-com-medicos-voluntarios-que-atendem-comunidades-ribeirinhas-no-para.ghtml

Na Telinha

https://natelinha.uol.com.br/famosos/tudo-sobre/drauzio-varella